Mundo

Ataque israelita mata tropas sírias

Pelo menos oito combatentes do regime sírio foram mortos em ataques israelitas na província de Homs, informou, ontem, o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

10/06/2021  Última atualização 05H40
© Fotografia por: DR
"Pelo menos cinco soldados do exército e três combatentes aliados , membros da Defesa Nacional, foram mortos em Homs” nos ataques efectuados pouco antes da meia-noite de terça-feira em várias áreas, incluindo os subúrbios de Homs, disse o director da OSDH, Rami Abdel Rahmane, à agência noticiosa France-Press (AFP).
"Todos os oito combatentes são sírios”, afirmou Abdel Rahmane, indicando a existência de "vários feridos”.

Os ataques visaram "posições militares da força aérea a Leste da aldeia de Khirbet al-Tin na periferia de Homs”, de acordo com a OSDH. E também visaram "um depósito de armas que se crê pertencer ao Hezbollah libanês” na mesma área, acrescentou.
A agência síria oficial, Sana, noticiou uma "agressão israelita” na Síria, seguida de retaliação por parte da defesa aérea síria.  Os aviões israelitas chegaram do "espaço aéreo libanês”, indicou a Sana, que inicialmente tinha noticiado "explosões em Damasco”.

O exército israelita, que raramente reclama responsabilidade pelos seus ataques na Síria, disse à AFP que não comenta "informações vindas do estrangeiro”.
Desde o início da guerra na Síria em 2011, Israel realizou centenas de ataques em território sírio, visando as posições do regime, mas também as das forças iranianas e do movimento xiita libanês Hezbollah, grandes aliados do Governo sírio.


Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo