Regiões

Barragem das Mabubas está a produzir abaixo das capacidades

Alfredo Ferreira | Caxito

Jornalista

A barragem das Mabubas, situada na província do Ben-go, baixou o nível de produção de energia eléctrica de cem para 50 por cento, desde o mês passado, devido aos trabalhos de manutenção em duas das quatro turbinas que têm 6.4 megawatts cada.

10/06/2021  Última atualização 11H33
© Fotografia por: Edmundo Eucilio | Edições Novembro | Caxito
A informação foi avançada, ontem, ao Jornal de Angola, em Caxito, capital da província, pela directora provincial da Empresa Pública de Produção de Electricidade (Prodel), Celeste Cassule.Segundo a responsável, a barragem está a funcionar apenas 50 por cento da sua capacidade, porque só duas turbinas estão operacionais, pelo que são insuficientes para alimentar a capacidade do empreendimento que é de 25.6 megawatts. "Tão logo terminarem os trabalhos de manutenção das duas turbinas, a barragem voltará a funcionar com normalidade”, assegurou.


Celeste Cassula disse que a energia que sai das Mabubas alimenta a Zona Norte da província.
Província tem mais de 22 mil consumidores


O Centro de Distribuição de Energia Eléctrica do Bengo controla 22 mil e 631 clientes, dos quais 16 mil e 631 são do sistema pós-pago e 6.004 do pré-pago, informou à imprensa o porta-voz da Ende no Bengo, Luís Mendes de Carvalho.O responsável disse que apenas o município do Ambriz e parte das regiões do Dande, Caxito, Mabubas, Barra do Dande e Panguila beneficiam de energia eléctrica da rede pública.

Quanto a expansão da energia a todos os municípios, referiu que a Ende aguarda por financiamento "para a electrificação das regiões de Nambuangongo, Dembos, Bula Atumba e Pango Aluquém”, acrescentando que a vandalização de cabos eléctricos, armários de distribuição da rede eléctrica e o derrube de postes causaram enormes prejuízos à empresa.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões