Mundo

CABO VERDE: Presidente defende lugar permanente para África no Conselho de Segurança da ONU

O Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, defendeu, terça-feira, uma reforma do Conselho de Segurança das Nações Unidas que “faça justiça” à África, o único continente sem representação permanente no mais importante órgão da organização.

25/02/2021  Última atualização 15H01
Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca © Fotografia por: DR
Segundo a Lusa, o Chefe de Estado cabo-verdiano falava durante o primeiro dia dos encontros "Triângulo Estratégico: América Latina – Europa – África”, espaço de diálogo político e económico, promovido pelo Instituto para a Promoção da América Latina e Caraíbas (IPDAL). Jorge Carlos Fonseca respondia, desta forma, quando questionado sobre as reformas necessárias no sistema multilateral para responder aos grandes desafios mundiais.


NIGÉRIA
Ataque jihadista causa 16 mortos

Dezasseis pessoas foram mortas e dezenas de outras feridas por 'jihadistas', que dispararam morteiros, na terça-feira, em Maiduguri, capital do Estado de Borno, no Nordeste da Nigéria, refere um novo balanço divulgado ontem por fontes de segurança.
"O número de pessoas mortas é agora de 16, há dezenas de feridos e a contagem pode ainda aumentar”, disse Umar Ari, um miliciano pró-governamental envolvido na luta contra grupos 'jihadistas', em declarações à Agência France Press (AFP). Um segundo miliciano, Babakura Kolo, deu os mesmos números.


Alemanha
"Cérebro” do EI apanha 10 anos e meio de prisão

O pregador iraquiano Abu Walaa, considerado "o cérebro” do grupo Estado Islâmico na Alemanha, foi ontem condenado a 10 anos e meio de prisão por pertencer à organização terrorista e por recrutar seguidores dispostos a realizar atentados. A sentença foi proferida pelo tribunal de Celle, no Norte da Alemanha.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo

Opinião

Política