Política

Caungula vai ter edifício autárquico em 18 meses

O governador da Lunda-Norte, Ernesto Muangala, procedeu, ontem, na sede municipal do Caungula, ao lançamento da pedra para o início das obras para a construção do Complexo Residencial Administrativo e Autárquico.

03/03/2021  Última atualização 14H00
Maquete do edifício autárquico de Caungula cuja primeira pedra foi lançada ontem © Fotografia por: DR
Inserida no Plano Integrado de Intervenção nos Municípios ( PIIM), a infra-estrutura de dois pisos vai ter 20 apartamentos de tipologias T1 e T2.
Avaliado em mais de mil milhões de kwanzas, o edifício autárquico vai ser erguido numa área de 200 metros quadrados, pela empresa chinesa Sheng-Qin, num período de 18 meses.

A empreitada vai envolver 100 trabalhadores, maioritariamente jovens locais. Contará com um parque de estacionamento para 24 viaturas, quadra polidesportiva, áreas técnicas para  gerador, tanque de combustível e uma vedação de rede metálica.
O chefe do Departamento de Divisão Política, Administrativa e Toponímia do Ministério da Administração do Território, Roberto Sampaio, explicou que o edifício também vai albergar técnicos da Administração do Estado que vierem em missão de serviço à região.

Anunciou que nos próximos dias o Ministério da Administração do Território (MAT) procederá à consignação de infra-estruturas idênticas nos municípios do Lôvua e Cambulo, ambos na Lunda-Norte, no âmbito do PIIM. "A intenção do Executivo é construir empreendimentos do género em todos os municípios, mas vamos primeiro priorizar as localidades com problemas gritantes de falta de infra-estruturas”, afirmou Roberto Sampaio.

O governador da Lunda-Norte, Ernesto Muangala, pediu ao empreiteiro o cumprimento dos prazos contratuais, para a conclusão das obras. Aos órgãos de Defesa e Segurança, Ernesto Muangala solicitou maior controlo para se evitar a vandalização do empreendimento. A administradora municipal de Caungula, Encarnação Agostinho, realçou que a construção do Complexo Administrativo Autárquico representa os esforços do Executivo na criação de condições técnicas e materiais para a implementação das autarquias. Salientou que a construção do edifício vai ajudar a ultrapassar as dificuldades que as autoridades locais enfrentam para albergar os quadros das diversas áreas de trabalho.

Victorino Matias | Dundo

Jornalista

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo

Opinião

Política