Economia

Feira da Banana junta 25 cooperativas

Pelo menos, 25 cooperativas e 17 produtores familiares expuseram 60 toneladas de banana, mandioca, cana-de-açúcar, citrinos e peixe, na 7ª edição da Feira da Banana, do município da Cameia (Moxico), aberta na passada terça-feira e que termina hoje.

10/06/2021  Última atualização 11H22
Cameia tem um grande potencial para a produção de banana © Fotografia por: Edições Novembro
O administrador municipal da Cameia, Fidel Chinhama Will, disse na abertura do evento que, a feira prevê gerar 14 milhões de kwanzas em volume de negócio. A iniciativa tem como objectivo promover as potencialidades agrícolas, com vista a contribuir para o processo de diversificação da economia.

Na ocasião, o director do Gabinete de Desenvolvimento Económico e Integrado do Moxico,  Guimarães Pinto Luís, revelou que a nível do município da Cameia estão legalizadas 25 cooperativas, que têm recebido do governo, inputes agrícolas.
Anunciou que o governo do Moxico prevê realizar, nos próximos meses, uma feira onde os produtores poderão expor os seus produtos. 


Por sua vez, o presidente da Associação Agropecuária "Sacundumba", João Matuca Samahongo, informou que a cooperativa tem disponível 349 hectares, dos quais 21 estão a ser utilizados para a produção de hortícolas, ginguba e citrinos.


No âmbito do PRODESI, a associação "Sacundumba"  beneficiou  de um crédito de 50 milhões de kwanzas, que será aplicado para aumentar a zona de cultivo.
José Rufino | Cameia 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia