Desporto

FIBA África aguarda por segundo anfitrião

FIBA África aguarda pela confirmação de mais um país para acolher jogos para definir o calendário de jogos de Fevereiro, referentes à segunda janela de qualificação para a 30ª edição do Campeonato Africano das Nações, Afrobasket´2021, agendado para decorrer no Rwanda.

13/01/2021  Última atualização 15H24
FIBA África aguarda pela confirmação © Fotografia por: DR
O facto foi revelado pelo presidente da entidade, o moçambicano Aníbal Aurélio Manave, em declarações ao canal desportivo da Rádio Nacional de Angola, esta segunda-feira. Até ao momento, de acordo com o responsável, a Tunísia é o único país disponível para albergar a próxima fase da eliminatória. 

Antes da descoberta da nova variante do coronavírus, outras quatro nações haviam manifestado a intenção de acolher a segunda janela, segundo Manave, sem no entanto revelar quais. A situação actual está na origem das restrições de ligações aéreas, um pouco por todo o mundo.  

"O número crescente da nova vaga de contágio obrigou alguns serviços migratórios a optar por medidas muito duras. Tudo isso para acautelar o risco de propagação do vírus. Dos cinco países inicialmente previstos, apenas a Tunísia confirmou  e vai albergar os grupos A e B. Tudo ficará definido depois de ser conhecido um segundo país”, explicou.

Com cinco pontos, Angola ocupa a segunda posição do Grupo B, fruto das vitórias diante de Moçambique( 87-58), Quénia (83-66), e derrota frente ao Senegal, por 51-66. Para garantir a qualificação, os hendecacampeões precisam de apenas duas vitórias e repetir a proeza alcançada em Kigali, em Novembro último.  

A Federação Angolana da modalidade (FAB) vai elaborar o calendário do Campeonato Nacional, tendo em conta os compromissos internacionais.

Armindo Pereira

Jornalista

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo

Opinião

Política