Economia

Óleo de palma e arroz dominam importações

Os licenciamentos à importação dos produtos da cesta básica, para o mês de Janeiro de 2021 voltaram a ser dominadas pelo óleo de palma e o arroz corrente, produtos ainda sem resposta interna para a procura.

23/02/2021  Última atualização 10H23
Óleo de palma e arroz © Fotografia por: DR
Dados divulgados, ontem, pelo Ministério da Indústria e Comércio mostram um quadro de importações dominado pelo óleo de palma, com 34.225.783,07 dólares e o arroz, com 28.865.656,58, respectivamente.
Ao detalhe, as importações continuam a abaixar, em comparação ao período homólogo anterior, sendo que para o mês de Janeiro do corrente ano, os pedidos licenciados de importação (intenção) totalizaram 153.061.955,27 dólares.

Na sessão de ontem do Conselho de Direcção do Ministério da Indústria e Comércio, foi, igualmente, informado que a grande procura aos dois produtos está, directamente, relacionado com o normal e crescente funcionamento do sector industrial no país.

"O óleo de palma, além da alimentação, é igualmente demandado como matéria-prima para a indústria de produção do leite condensado, vários tipos de sabão e sabonetes, ao passo que o arroz corrente é igualmente utilizado como matéria-prima para a indústria cervejeira”, explicam.
Para o Ministério da Indústria e Comércio, os números indicam ao empresariado algumas áreas onde devem canalizar os investimentos, pois há, claramente, um mercado para absorver a produção de quem apostar na cultura do palmar e/ou do arroz.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo

Opinião

Política