Política

Chefe de Estado autoriza verba para estancar ravina

O Presidente da República, João Lourenço, autorizou uma verba para a contenção e estabilização de uma ravina na zona sul da Centralidade do Zango 5, município de Viana, província de Luanda.

27/01/2021  Última atualização 08H55
© Fotografia por: DR
De acordo com o Despacho Presidencial nº 9/21, de 22 de Janeiro, publicado em Diário da República, na última sexta-feira, o Chefe de Estado autoriza a contratação de uma empreitada de obras públicas para o início destas obras, com carácter emergencial, no valor de 1,3 mil milhões de kwanzas.No mesmo Despacho, João Lourenço autoriza um Contrato de Fiscalização de Obras Públicas para a contenção e estabilização da ravina, no valor de 39,1 milhões de kwanzas. 

A decisão, de acordo com o texto citado pela Angop, visa assegurar a adopção de medidas para travar o avanço progressivo dos solos na zona sul da centralidade, que originaram o surgimento de ravinas na localidade. No Despacho, o Presidente da República refere que estas ravinas colocam em risco de desabamento iminente a Estação de Tratamento de Águas Residuais, a conduta de abastecimento de água e os arruamentos internos daquela centralidade.  

A medida de João Lourenço surge depois da realização de várias visitas de inspecção ao local por técnicos do Governo Provincial de Luanda e da Administração Municipal de Viana. O problema das ravinas no Zango 5 começou a evidenciar-se há dois anos, devido a  um hipotético "erro de concepção do sistema de macro drenagem”, segundo especialistas citados pela Angop. A progressão da erosão poderá causar, a curto prazo, problemas estruturais no sistema de fornecimento de água e nos cabos de fibra óptica.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo

Opinião

Política