Regiões

Três mil testes disponíveis para rastreio em massa

Três mil testes estão disponíveis, numa primeira fase, para o início, hoje, do rastreio em massa da Covid-19 na província de Benguela.

09/01/2021  Última atualização 11H40
© Fotografia por: DR
O secretário de Estado para a Área Hospitalar, Leonardo Europeu, disse que as autoridades sanitárias do país estão preocupadas com a circulação comunitária do vírus fora de Luanda. "Assim, vamos arrancar com o programa de testagem este sábado, onde vamos trabalhar por 72 horas em Benguela”, disse.  
Estão destinados dois mil testes para vendedores dos mercados informais e para quem acorrer a esses locais, 500 para os taxistas e igual número para as unidades sanitárias.

O secretário de Estado para a Área Hospitalar vai visitar  os centros de quarentena institucional e de tratamento, onde irá interagir com as equipas de resposta rápida e a avaliar o comportamento da pandemia durante este período."Realizar-se-á ainda uma acção de formação sobre vigilância epidemiológica para equipas de resposta rápida”, disse, acrescentando que a testagem em massa será feita nas províncias de Benguela, Cabinda e Huíla.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo

Opinião

Política